Receba nossas novidades :

slider_prev slider_next

Últimas

Uma de Raquel Davidowicz

08.05.18

Agradável experiência foi o desfile da Uma de Raquel Davidowicz no Museu do Imigrante numa bela manhã ensolarada. Pelos corredores, silhuetas dinâmicas de uma sofisticada simplicidade compunham o desfile batizado de “Origins”, lembrando a todos o quanto é variado o tecido social brasileiro. Roupas de cores neutras, sem nunca cair na banalidade, são a base de um “closet” de mulher arrojada com ares de viajante:

– O macacão branco se abre – com o top amarrado na cintura –  revelando camiseta de mangas duplas. Grande bolsa/mochila de design minimalista nas costas;

– Longa camisa aberta sobre calças “cargo” de seda com “big” bolsos utilitários;

– Amplo tricô mescla “mutante/mutável” (pode ser amarrado de várias maneiras) sobre calça  de forma “cenoura” (lembram?) de bainha abreviada. Moderna bolsa/sacola de couro a tiracolo;

– Top com mangas/fenda e calças de lã;

– Longa camisa de crepe com cinto do mesmo tecido exibindo “bolsos/bolsas” sobre calças “cigarette” de couro;

– Vestido de malha dupla tipo moletom, que, graças às amarrações ganham silhueta “ânfora”;

– Vestido de lã sem mangas de decote em V e bainha assimétrica todo trabalhado no viés.